11 de out de 2008

O Jovem e a pluralidade

O ser humano é cheio de possibilidades.
Viajando por alguns lugares da Grande BH,onde imaginamos não existir Zona Rural,é possível encontrar sonhos diferentes,olhares que desejam diferente, carinhos silenciosos.

A grande mídia corrompe muito desses sonhos e diferenças. Faz todo mundo, ser um só.
O poder da diferença não prevalece em grande parte da população e principalmente entre os jovens, que massificados por modelos de vida pré-fabricados, acreditam que o sonho e o prazer é único e regular. Mal sabem eles da delicia de ser diferente.

Respeitar a diversidade, não só cultural, mas de sonhos, permite que nos tornemos indivíduos mais plurais.



Um comentário:

Nilmar Barcelos disse...

Ao gravar umas coisas, eu e um amigo chegamos ao consenso de fazer um doc sobre, justamente, o que diz este texto. Te explico hoje =)