11 de jun de 2009

Assim...

Pois é, as coisas aconteceram e andam acontecendo. A vida é uma mistureba de coisas que muitas vezes achamos que temos controle, mas ledo engano, não temos. Acreditei nisso grande parte do tempo, mas essa danada de vida me mostrou que não, não tem jeito. É bom as vezes achar que temos, e de fato, acredito que nossas escolhas podem ser consideradas 'controle'. Mas quando falo de mistureba, é pelo simples fato de os encontros serem do jeito que são, com as pessoas que são. E aí tem uma música, um filme, um show, uma experiência, um amigo em comum. E aí tem novos encontros, novas pessoas, novos nomes (ou não), novos números, e sim, velhos artificios, velhos discursos, aquele já manjado olhar e risada. E quando achava que isso era a mais pura falta de personalidade, gesso da vida, vejo que somos nós. Velhos e novos ao mesmo tempo. (Ainda não sei seu horoscópo, talvez nem saiba. Ainda não falei da minha música favorita ou do meu último caso engraçado, talvez nem o fale. Mas aqui estou eu, assim, desse jeitinho meu, passivel às mudanças, existindo com as mesmas manias, sendo eu assim, desse jeito). E lá vamos nós).

Nenhum comentário: