4 de mar de 2006

À caminho de uma nova descoberta: ela mesma!
Ela que já andava tão distante. Olhava pela janela e de tanto olhar ficava perdida.

Mas é assim, se perdendo que se encontra!
E ela, mais uma vez na sua incansável busca, ouve:
"A vida só tem sentido porque existe desejo!"
E lá vai ela dando sentido (e sentindo)!

Nenhum comentário: